Escolher uma boa plataforma para loja virtual está entre as tarefas mais difíceis e importantes que um empreendedor precisa tomar ao iniciar a operação de um e-commerce. Pensando nisso, a sua agência precisa estar bem preparada para ajudar os clientes e guiá-los nessa difícil missão. Veja alguns fatores a avaliar para tomar uma boa decisão.

Quais os tipos mais comuns de plataformas?

Existem vários tipos de plataforma para loja virtual disponíveis, cada um com seus prós e contras. Veja os mais conhecidos e como funcionam:

Licença de uso

O cliente compra uma licença de uso do sistema, e pode então usar todos os seus recursos. Como a permissão diz respeito apenas ao uso, e não a alterações no sistema, qualquer modificação que o lojista quiser fazer tem que passar pelo fornecedor do software, o que causa uma restrição muito grande e pode aumentar bastante o custo.

Plataforma própria

Outra opção bastante usada é a criação de uma plataforma própria, projetada para as necessidades exclusivas da loja. O lado bom é a possibilidade total de customização, já que cada detalhe será trabalhado com um propósito definido, o que pode aumentar muito a produtividade e os resultados do negócio como um todo. O lado negativo é geralmente o alto custo de uma solução desse tipo.

Modelo de assinatura

O modelo de assinatura é aquele onde se paga uma mensalidade e faz uso da plataforma e de seus recursos. Caso precise de melhorias na loja, o lojista provavelmente terá de trocar de plano e contratar uma solução mais adequada à sua necessidade.

Código livre

As plataformas de código livre se apoiam em sua comunidade e dependem dela para fazer melhorias no sistema e criar novas funcionalidades. Por conta dessa dependência e de não possuir maiores garantias quanto a suporte e recursos importantes, essa opção pode se tornar inviável para um empreendimento mais profissional.

Plataforma customizada

Podemos dizer que esse modelo ficaria no meio termo entre a licença de uso e a plataforma própria. Entre as soluções desse tipo está a AGEC, plataforma que possui os planos Basic e Plus, ambos mantidos por programadores dedicados, e feitos para atender a todas as necessidades de um e-commerce sem complicações ou as vulnerabilidades comuns dos outros modelos citados.

O que procurar em uma plataforma para loja virtual?

Uma plataforma de qualidade precisa seguir certos requisitos para garantir que o lojista não passe apuros e fique no prejuízo. Entre eles, podemos destacar:

Robustez

Quais as chances de a loja sair do ar? Será que o empreendedor terá muito trabalho caso precise de um plano capaz de suportar mais produtos? Quais são os mecanismos de proteção de dados? Tudo isso está incluído na robustez da plataforma, e deve ser levado em consideração pelos seus clientes ao comparar as soluções disponíveis.

Integração

É muito comum trabalhar com diversos tipos de integração em um e-commerce. Seja para usar uma ferramenta de análise de métricas ou um sistema de pagamento, a facilidade de integração da plataforma com aplicativos externos é de extrema importância, pois possibilita maior personalização do software às necessidades da loja.

Suporte

Apesar de óbvio, esse ponto é fundamental. Não importa qual a qualidade do produto, em algum momento seu cliente vai precisar usar o suporte, nem que seja para tirar uma dúvida simples. Por isso, deve procurar as empresas que possuam um bom tempo de resposta, ofereçam ajuda prática e sejam bem avaliadas por outros clientes. Um suporte bem estruturado reduz muito as chances de se ter dores de cabeça com o serviço.

Por observar com calma cada um dos fatores que citamos, seus clientes, com certeza, vão poder tirar o máximo de proveito do que o mundo digital pode oferecer aos negócios. Quanto à sua agência, mais do que ajudá-los a escolher uma boa plataforma para loja virtual, como a AGEC, estará participando na construção de negócios de sucesso e se manterá em destaque no mercado.

Você já sabia sobre o que está envolvido em uma boa plataforma de e-commerce? Como acha que isso pode ajudar a sua agência? Deixe seu comentário!